jempresas

Siga-nos

fc

Links Úteis


PROGRAMA DINAMIZAR 2014

DINAMIZAR

Selecção de 5 novas empresas.

A AENEBEIRA - Associação Empresarial do Nordeste da Beira encontra-se a executar o Programa Dinamizar, cuja entidade gestora é a CCP - Confederação do Comércio e Serviços de Portugal.

Este projecto, que contempla 25 empresas na área de intervenção da AENEBEIRA, destina-se a elevar a capacidade competitiva das micro e PME do comércio e serviços, mediante um conjunto integrado de acções de consultoria formativa e formação que visam, a curto, médio e longo prazo, proporcionar um melhor desempenho das mesmas.

No quadro deste Programa a CCP, decidiu alargar o prazo e o número de empresas participantes, para 30. 

A participação no Programa DINAMIZAR é totalmente gratuita e decorrerá até ao final do ano de 2014, estando a AENEBEIRA, nesta altura, a proceder à selecção de mais 5 empresas para dar continuidade ao Programa.

Assim, os senhores Empresários, interessados em participar neste Programa, deverão contactar a AENEBEIRA, através dos seguintes meios:

Telefone: 271 812 138

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.">Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

www.aenebeira.pt

Curso (EFA) Técnico(a) Administrativo(a)

A AENEBEIRA – Associação Empresarial do Nordeste da Beira, vai iniciar em Trancoso, um curso de Educação e Formação de Adultos (EFA), denominado Técnico(a) Administrativo(a).

Poderão frequentar este curso, os adultos com idade superior a 23 anos e com habilitações mínimas equivalentes ao 9º ano de escolaridade.

Os formandos terão direito a bolsa de formação, subsídio de alimentação, subsídio de transporte ou alojamento (se aplicável) e subsídio de acolhimento (se aplicável).


Este curso permite a obtenção do 12º ano de escolaridade e uma habilitação profissional correspondente ao nível 4 da União Europeia.


Encontram-se abertas as inscrições que deverão ser efectuadas na sede da AENEBEIRA, em Trancoso.

Cartaz admin Trancoso 2013

Programa DINAMIZAR 2013/2014

AENEBEIRA – Associação Empresarial do Nordeste da Beira foi, mais uma vez, entidade seleccionada para desenvolver o Programa DINAMIZAR, promovido pela CCP - Confederação do Comércio e Serviços de Portugal - para a sua área de Intervenção.

O Projecto Dinamizar, destina-se a elevar a capacidade competitiva das micro e PME do comércio e serviços, mediante um conjunto integrado de acções de formação e consultoria que visam, a curto, médio e longo prazo, proporcionar um melhor desempenho das mesmas.

São destinatários do Projecto Dinamizar as empresas do sector do comércio e serviços, com número de trabalhadores igual ou inferior a 100.

A participação no Programa DINAMIZAR é totalmente gratuita e decorrerá durante o ano de 2013/2014, estando a AENEBEIRA nesta altura a seleccionar 25 empresas para esta edição.

Para mais informações por favor contactar a AENEBEIRA:

Telefone: 271812138

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.">

 

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.">Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail Dinamizar AENEBEIRA2013 A4

Programa QI – PME Centro – Qualificação e Inovação - 4ª edição

AENEBEIRA – Associação Empresarial do Nordeste da Beira foi mais uma vez seleccionada para desenvolver a 4ª Edição do Programa de formação-acção QI – PME Centro, lançado pelo CEC – Conselho Empresarial do Centro, para o distrito da Guarda e para os 10 concelhos da sua área de Intervenção, destinado a empresas do sector industrial ou de serviços de apoio á industria.
O Programa visa:
- A melhoria dos processos das micro, pequenas e médias empresas e o reforço das competências dos seus quadros;
- A promoção da formação orientada para o apoio ao desenvolvimento organizacional;
- A promoção do desenvolvimento processos das micro, pequenas e médias empresas, através do desenvolvimento de acções que promovam a optimização das metodologias e processos de modernização e inovação ao nível da gestão.

A metodologia do QI – PME Centro combina momentos de intervenção-acção na empresa, com o desenvolvimento de um Diagnóstico Organizacional, obtido através de um instrumento de Benchmarking e de um Balanço de Competências Organizacional e da Implementação de um Plano de Acção, com sessões de formação temáticas articuladas para os momentos de consultoria, dirigida a empresários, gestores ou quadros e, paralelamente, com acções de formação, inter e intra, para os colaboradores das empresas participantes.

O Programa compreende 180 horas de consultoria distribuídas da seguinte forma:
- 60 Horas para a elaboração do Diagnóstico Organizacional e Elaboração do Plano de Acção;
- 102 Horas para a implementação do Plano de Acção / Consultoria;
- 18 Horas para a avaliação e redefinição dos Planos de Acção.

Adicionalmente integra uma componente de formação que inclui:
Para os empresários ou Dirigentes (em formato residencial)
- 24 Horas de seminários (imersão, diagnóstico e encerramento);
- 48 Horas de seminários temáticos (Gestão Estratégica, Gestão da Inovação, Gestão Comercial, Gestão de Recursos Humanos);

Para os restantes colaboradores:
- Formação necessária e definida no diagnóstico, específica ou genérica.

A participação no Programa QI – PME Centro é totalmente gratuita e decorrerá durante o ano de 2013, estando a AENEBEIRA nesta altura a seleccionar 25 empresas para esta edição.

Para mais informações por favor contactar a AENEBEIRA:

Telefone: 271812138 E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.">Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Para melhor visualização clique no cartaz

Ficha de Inscrição Empresas

 

 

QI2013 A4 - RECORTADA

 

Curso EFA - Técnico de Instalações Eléctricas

A AENEBEIRA – Associação Empresarial do Nordeste da Beira, vai iniciar em Trancoso, um curso de Educação e Formação de Adultos (EFA), denominado Técnico de Instalações Eléctricas.

Poderão frequentar este curso, os adultos com idade superior a 23 anos de idade e com habilitações mínimas equivalentes ao 9º ano de escolaridade.

Os formandos terão direito a bolsa de formação, subsídio de alimentação, subsídio de transporte ou alojamento (se aplicável) e subsídio de acolhimento (se aplicável).

Este curso permite a obtenção do 12º ano de escolaridade e uma habilitação profissional correspondente ao nível 4 da União Europeia.

Encontram-se abertas as inscrições que deverão ser efectuadas na sede da AENEBEIRA, em Trancoso.

Para consultar "clicar" no cartaz

 

EFA 2013 A4 Electricidade-PEQUENA

Formação Modular Certificada

A lista de UFCD/ação apresentada é exemplificativa da vasta oferta formativa integrada no Catálogo Nacional de Qualificação que a AENEBEIRA pretende realizar nos Concelhos de Trancoso, Mêda, Aguiar da Beira, Celorico da Beira, Fornos de Algodres, Almeida, Figueira, Penedono, Sernancelhe, Pinhel.

A calendarização e realização de cada UFCD/Ação de formação dependem de um n.º mínimo de inscrições.

A formação pode decorrer na própria empresa.

Destinatários: Adultos (ativos) empregados ou desempregados com baixas qualificações escolares e ou profissionais que possuam qualificações desajustadas às necessidades do mercado de trabalho.

- Licenciados desempregados

Inscrições e Informações:

AENEBEIRA – Associação Empresarial do Nordeste da Beira

Tel.271812138 – Fax. 271812543

Morada Av. 1º de Dezembro, Nº. 1 6420-011 Trancoso

email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Modulares AENEBEIRA

Nova Lei do Atendimento Prioritário

Quem pode passar à frente?

Entrou em vigor no passado dia 27 de dezembro o Decreto-Lei é o n.º 58/2016, de 29 de agosto que estabelece as regras do Atendimento Prioritário.

A não aplicação das regras previstas no referido Decreto Lei pode dar origem a multas, que vão desde os 50€ aos 1.000 €.

distico-atendimento-prioritario

Quem está obrigado a prestar atendimento prioritário?

Todas as pessoas, públicas e privadas, singulares e coletivas que prestem atendimento presencial ao público.

Quem está excluído da obrigação de prestar atendimento prioritário?

a) As entidades prestadoras de cuidados de saúde quando o acesso à prestação de cuidados de saúde deva ser fixada em função da avaliação clínica a realizar.

b) As conservatórias e outras entidades de registo, apenas e só, quando a alteração da ordem de atendimento coloque em causa a atribuição de um direito ou uma posição de vantagem decorrente da prioridade do registo.

Existe alguma exceção à aplicação do decreto-lei?

Sim, o decreto-lei não se aplica às situações de atendimento presencial ao público realizado através de serviços de marcação prévia.

A quem é obrigatório prestar atendimento prioritário?

É obrigatório prestar atendimento prioritário às:

a) Pessoas com deficiência ou incapacidade;

b) Pessoas idosas com idade igual ou superior a 65 anos e que apresentem evidente alteração ou limitação das funções físicas ou mentais;

c) Grávidas;

d) Pessoas acompanhadas de crianças de colo.

Quem são consideradas «pessoas com deficiência ou incapacidade»?

Aquelas que, por motivo de perda ou anomalia, congénita ou adquirida, de funções ou de estruturas do corpo, incluindo as funções psicológicas, apresentem dificuldades específicas suscetíveis de, em conjugação com os fatores do meio, lhes limitarem ou dificultarem a atividade e a participação em condições de igualdade com as demais pessoas e que possuam um grau de incapacidade igual ou superior a 60% reconhecido em Atestado Multiuso.

Quem é considerado idoso para os efeitos do decreto-lei?

A pessoa que tenha idade igual ou superior a 65 anos e apresente evidente alteração ou limitação das funções físicas ou mentais reconhecidas em Atestado Multiuso.

Quem se considera pessoa acompanhada de criança de colo?

Aquela que se faça acompanhar de criança até aos dois anos de idade.

Se estiverem para serem atendidas várias pessoas com direito de atendimento prioritário como se procede?

O atendimento faz-se por ordem de chegada.

Como devo proceder quando me for recusado o atendimento prioritário devido?

Devo apresentar uma queixa por escrito junto do Instituto Nacional para a Reabilitação I. P. (INR, I. P.) ou; da inspeção-geral, entidade reguladora, ou outra entidade a cujas competências inspetivas ou sancionatórias se encontre sujeita a entidade que praticou a infração.

Por exemplo, tratando-se de um estabelecimentos de restauração e bebidas, poderá apresentar queixa junto da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).

Que penalizações estão previstas para quem incumprir o dever de prestar atendimento prioritário?

Estão previstas a aplicação de coimas cujos valores variam entre € 50 a € 500 ou de € 100 a € 1 000, consoante a entidade infratora seja pessoa singular ou coletiva.

Colóquio - Apoios ao Investimento na Região/Explorações Agro Pecuárias - Nova Abordagem

No âmbito da 13ª Feira do Fumeiro, dos Sabores e do Artesanato do Nordeste da Beira irá realizar-se no dia 27 de fevereiro (sábado) pelas 15H30 no Auditório do Pavilhão Multiusos de Trancoso, um Colóquio subordinado ao tema "Apoios ao Investimento na Região/Explorações Agro Pecuárias - Nova Abordagem".

Coloquio 2

Festival Gastronómico "Trancoso - Gatronomia com Tradição"

Coincidente com a realização da Feira do Fumeiro, dos Sabores e do Artesanato do Nordeste da Beira, o Festival Gastronómico, Trancoso – Gastronomia com Tradição, arranca em Trancoso no próximo dia 26 de fevereiro prolongando-se pelos dias, 27 e 28 deste mesmo mês e, no fim de semana seguinte, dias 5 e 6 de março . Este Festival, tem como principal objetivo promover o setor da restauração de Trancoso e os produtos endógenos alimentares da região, possibilitando aos milhares de visitantes que nestes dias se deslocam a Trancoso, uma variedade gastronómica com produtos de excelente qualidade. Por isso, nestes dois fins de semana não deixe de vir a Trancoso, pois, com toda a certeza, não irá arrepender-se.

Folheto festival gastronomia 2016-page-001

Folheto festival gastronomia 2016-page-002

Subcategorias

Eventos

Notícias da Região

Fotografias Recentes

  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013
  • Feira do Fumeiro 2013